9 de abr de 2012

Figueira vence e volta à liderança, Avaí bate o JEC e entra forte na briga


Resultados da oitava rodada abrem o leque de possibilidades para as semifinais


Avaí x Joinville

Leão vence o Joinville em casa. Foto Edu Cavalcanti

No estádio da Ressacada, o Leão venceu o Coelho no domingo de páscoa. Não foi nenhum chocolate, mas serviu para botar de vez o Avaí na briga pela classificação para as semifinais. 

O time da Capital foi melhor durante todo o primeiro tempo, mas chegou ao seu gol apenas aos sete do segundo, com Cléber Santana. No decorrer da etapa final, os times tiveram mais chances do que no tempo inicial. O time da casa seguiu mandando na partida e teve chance de ampliar com um pênalti, mas o autor do primeiro gol avaiano bateu para fora. O JEC também pressionou, mas não conseguiu chegar ao gol.

Final de jogo 1 a 0, e os dois times seguem com chances, tanto no segundo turno quanto na classificação por índice técnico.


Criciúma x Metropolitano

Metrô surpreendeu o Criciúma no Heriberto Hülse. Foto Fernando Ribeiro

O Metrô estava a quatro partidas sem vencer, e foi ao sul do estado enfrentar um forte Criciúma. O time da casa saiu na frente, com Ozeia, aos 39 minutos. Ainda no primeiro tempo, o Verdão do Vale empatou com gol de Pantico, e foi para o vestiário mais motivado.

Aos cinco minutos da segunda etapa, o Metropolitano virou o jogo pela primeira vez. Rafal Costa fez seu 14º gol no campeonato, Metrô 2 a 1. Aos 28, o Tigre empatou a partida novamente, com Zé Carlos. O jogo ficou disputado, e os dois times brigavam pela vitória. Foi aos 40 minutos que o Metropolitano deu números finais à partida. Gol de Thiago Cristian, 3 a 2, e esperanças de classificação renovadas.

O Tigre ainda briga pelo segundo turno, enquanto para o Metrô, resta vencer o Avaí em Blumenau.


Chapecoense x Atlético de Ibirama

Sagaz, ex-Chapecoense, fez boa partida pelo Atlético. Foto Rodrigo Goulart

O Verdão do Oeste teve chance de se classificar matematicamente para as semifinais dentro de casa, mas não aproveitou. Com gols de Santos, Mateus e Matozinho, o Atlético venceu na Arena Condá por 3 a 2 – a Chapecoense descontou com João Paulo e Eliomar.

Na última rodada, a Chape tem desafio difícil contra o Criciúma. Com uma vitória a classificação estará garantida, porém em caso de derrota ou empate, o time do oeste depende de outros resultados. O Hermann Aichinger recebe o já rebaixado Marcílio Dias, e ainda tem chances de se classificar para as semifinais através do índice técnico, mas depende de outros resultados. O time do Alto Vale também briga contra o Metrô pela vaga na Série D do Brasileirão.


Brusque x Figueirense

Roni fez o gol da vitória alvinegra. Foto: Flávio Neves

O Figueira fez o que todos esperavam e, mesmo de virada, venceu o Brusque no Augusto Bauer. O gol do time brusquense foi marcado por Felipe Oliveira, enquanto o Figueirense chegou lá com Aloisio e Roni.

O resultado trouxe o Figueirense de volta ao topo da tabela do returno, e garantiu o time como maior pontuador do estadual. Ao Brusque já não restam esperanças. O time que garantiu a vaga pela Série D através da Copa Santa Catarina vive forte crise e ainda nem confirmou sua participação na competição


Camboriú x Marcílio Dias

Os dois times do litoral catarinense se enfrentaram na quinta-feira, no Roberto Santos Garcia. O Camboriú venceu a partida por 2 a 0. Não temos maiores informações sobre o jogo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário