16 de jun de 2012

Figueira perde para o Cruzeiro na Arena Independência


Time catarinense joga muito bem no primeiro tempo, mas cai no segundo

Cruzeiro vence em sua volta à Belo Horizonte. Foto: Washington Alves

O Figueirense enfrentou o Cruzeiro em sua volta à Belo Horizonte depois de 2 anos e 14 dias jogando fora de sua cidade. A Arena Independência foi o palco da partida, e os quase 24 mil torcedores viram Wellington Paulista fazer o único gol do jogo e dar a vitória para o time celeste.

O primeiro tempo foi dominado pelo Alvinegro de Florianópolis. O Figueira chegava ao ataque muitas vezes com Julio Cesar, Almir e Aloisio. O destaque da etapa, no entanto, foi o goleiro Fábio, que fez diversas defesas difíceis e salvou o Cruzeiro.

A segunda etapa foi do Cruzeiro. O time mineiro voltou do intervalo com nova postura e abriu o placar aos 20 minutos. Wellington Paulista recebeu passe de Souza, que havia acabado de entra no jogo, driblou o goleiro Wilson e fez o único gol da partida.

Mesmo fazendo uma boa partida, o Figueirense pecou nos detalhes e acabou perdendo pontos em BH. O bom futebol apresentado acabou ofuscado pela derrota.

Com a derrota, o Figueira permanece com seis pontos e é, provisoriamente, o décimo colocado da Série A do Campeonato Brasileiro. A próxima partida do Alvinegro é contra o Bahia, no estádio Orlando Scarpelli, às 16h00 do domingo, dia 24/06.

Confira a classificação atualizada da Série A:


Primeiro tempo:

Logo a um minuto de jogo, Julio Cesar chutou prensado e bola sobrou para Túlio, que bateu por cima do gol. Aos seis, Almir tocou para Pablo, que cruzou para Aloisio chutar à queima roupa e forçar Fábio a fazer uma bela defesa.

A pressão era totalmente alvinegra. Aos dez minutos, Aloisio avançou pela direita e chutou para mais uma defesa de Fábio. Quando o goleiro cruzeirense não chegou na bola, teve a ajuda da trave. Julio Cesar cobrou falta com força e acertou o poste direito do gol.

Dois minutos depois, o estreante Almir mostrou seu bom futebol aparecendo pela esquerda e cruzando para Caio, que cabeceou para o desvio da zaga. Aos 17, o Cruzeiro respondeu com Fabinho, que cabeceou para fora.

Aos 18 minutos, Almir chutou para o gol da meia da lua grande área, mas a bola chegou fácil para Fábio. A zaga cruzeirense estava perdida e muito nervosa, enquanto o Figueira pressionava o time celeste.

Aos 33, Julio Cesar apareceu pela esquerda, mas chutou prensado. Na última chance da primeira etapa, Julio carregou a bola pelo meio e bateu cruzado de fora da área. A bola venenosa passou à esquerda do gol defendido por Fábio.


Segundo tempo:

O Figueira voltou para a segunda etapa pressionando novamente. Antes do primeiro minuto, Aloisio apareceu sozinho na área e chutou para nova defesa de Fábio. Aos cinco minutos, após cobrança de escanteio, Anderson Conceição cabeceou e o goleiro cruzeirense pegou mais uma.

A partir daí, a pressão foi do time da casa. Aos 11 minutos, Wellington Paulista recebeu cruzamento e cabeceou para a defesa de Wilson. Nove minutos depois, o atacante não perdoou. Ao receber passe de Souza, Wellington driblou Wilson e fez o único gol do jogo.

A partida esfriou depois do gol cruzeirense. Aos 23 minutos, Julio Cesar cobrou falta por cima do gol. Os dois times se preocupavam com a defesa, e o jogo passou a ficar truncado no meio de campo.

As últimas tentativas de jogo foram de Canuto, aos 44 minutos. Na primeira, o zagueiro alvinegro cabeceou e Fábio defendeu. Na sequencia da jogada, o argentino chutou, mas o goleiro cruzeirense não permitiu o empate.


Escalações:

Cruzeiro: Fábio; Diego Renan, Mateus, Léo e Everton; Amaral (Leandro Guerreiro), Charles e Montillo; Wallyson (Souza), Fabinho (Willian Magrão) e Wellington Paulista.

Figueirense: Wilson; Pablo (Jackson), Canuto, Anderson Conceição e Guilherme Santos; Ygor, Túlio e Almir (Botti); Caio, Julio Cesar (Luiz Fernando) e Aloísio.


Gols: Cruzeiro: Wellington Paulista (20/2º).

Nenhum comentário:

Postar um comentário